Jesus – Parte 5 de N

Dia 27 de Setembro, o dia em que o primeiro milagre de Jesus foi lembrado por alguns numa reunião rápida sobre a vida de Jesus.

Foi muito bom e eu especialmente senti a presença do Pai com amor e graça sobre nós de uma maneira diferente, Ele é sempre o mesmo, nós que mudamos e quando mudamos  para mais perto dEle podemos senti-LO melhor e mais perto.

O texto é esse, Evangelho de João, Capítulo 2. O primeiro milagre de Jesus!
Vou contar um pouco do que aconteceu:

– – –

Jesus tinha passado pelo deserto, enfrentado o diabo frente-a-frente e soube que João estava preso por denunciar o romance entre Herodes e Herodias, então Jesus esta na Galiléia e foi convidado para um casamento. Ele estava no casamento quando o vinho da festa acabou, o vinho era para eles o que hoje para nós é a Coca-cola e Coxinha é para a festa de casamento, aniversário etc.

É importante lembrar que o vinho daquela época não é como o vinho de hoje, na época era EXCLUSIVAMENTE o suco de uva fermentado naturalmente, guardado, esperando o momento de ser degustado, portanto, não serve como desculpa para o seu envolvimento irresponsável com o vinho ou qualquer bebida atualmente carregada de álcool.

Quando o vinho acabou, Maria, que até então ainda acreditava ser totalmente a mãe de Jesus foi até ele e disse: “O vinho acabou” – Com aquele ar de cobrança: “E ae não vai fazer nada?” Jesus respondeu de cara: “O que eu tenho com você mesmo? Nem chegou a minha hora!

Esse quadro retrata a nossa vida quando:

Perdemos o emprego: “E aí, não vai fazer nada!?”

Ou quando cometemos algum erro com uma consequência que não gostamos: ” E agora, vai fazer alguma coisa né?”

Eu não acredito que temos todo esse potencial, por simples razões:

1. Jó (do livro de Jó) nos ensinou o seguinte: Aceitamos o bem de Deus e não aceitamos o mal que possa nos acontecer?

2. Jesus viveu a maior perda que alguém possa viver e simplesmente viveu, ou melhor … Morreu! E Ressuscitou!

3. Existem coisas que aparentemente parecem ruins, mas no final percebemos o que Deus queria, e então podemos agradecer

Eu poderia citar tantas razões pelas quais não deveríamos pressionar Jesus por algo que não lhe cabe, ou melhor, que você deveria se apoiar nele pra correr atras… Enfim!

Então Jesus disse para os garçons da festa: “Encham aquelas ‘bacias gigantes’ de água e levem para o mestre da festa que prova as comidas e bebidas”

Então os garçons encheram, demorou, pois cada uma dos baldes ou bacias cabiam entre 80 a 120 litros de água, vezes 4, imagine você quanta água encheram.

Imagine você sendo o garçom tendo que encher 400 litros de água para servir ao mestre sala e substituir o vindo da festa de acabou!? Não tinham razões para desistir no meio? Não tinham razões para simplesmente ir embora, já que acabou o vinho e o que eles tinham era água!? Pois é, qual é a nossa atitude quando Jesus nos pede algo que não tem lógica nem razão? Na bíblia Jesus já nos entregou diversas direções, nós seguimos? Nós acreditamos nelas? Nós ao menos sabemos quais são?

Pois bem, esse texto é muito rico em detalhes que poderíamos conversar, escrever, por horas e por páginas mas finalizando sobre o momento em que o mestre sala recebe aquela água e bebe, o que ouvimos do mestre sala foi:

“É normal servir o vinho bom no começo, depois que já beberam um pouco, serve o vinho inferior, mas estou bebendo o melhor vinho agora”.

Gostaria de fazer algumas afirmações e perguntas:

– Sua vida é cheia? De água ou de vinho?
A água tem na torneira, o vinho novo vem de Jesus, o que você quer?

– Jesus entra em nossas vidas transformando o que for necessário, a primeira coisa que acredito que ele faça é dar sabor à sua vida, dar algum toque de vida de verdade!

– Na festa estavam todos carregados de vinho comum, ou poderia dizer do vinho ruim ou ainda mais, do vinho falso, pirateado, diluído, apenas para enganar você! Jesus oferece algo real, verdadeiro, eterno, puro, santo, digno… Qual é a sua escolha?

– No caminho que a água fez da torneira até o mestre da cerimônia, Jesus fez algum ritual? Fez alguma mandinga? Cantou alguma música? Mandou as pessoas passarem pelo vale do sal grosso ou ofereceu um paninho suado para as pessoas tocarem? Ele molhou suas mãos na água e espalhou pela festa? OU APENAS FEZ ACONTECER?

– Você acredita mais nas formas que as igrejas inventam, que os macumbeiros praticam, que os padres ordenam… ou na forma que Jesus faz? Não se engane com os rituais que fazem para conseguir algo como se Jesus esperasse por isso, Jesus esta disponível para você!

Espero que você reflita um pouco sobre a postura de Maria, Jesus, os Garçons e o Mestre da Cerimônia e claro … Na sua postura diante da vida!

Ele esta batendo na porta doido pra comer com você na mesa!
Usufrua desse amor inacreditável!

Anúncios
Etiquetado , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s